Especial | Pavilhão 10 de Novembro | AMPD

1975
SD Preparando-se para as comemorações dos 50 anos de emancipação, em 1975, esse *arquivo morto tombaria a pedido de Padre Palmeira. ACERVO: Luiz Martins. FONTE: perfil JanilsonElaine no facebook. TRATO: Evaldo Brasil.
SD
SD Vista lateral esquerda, de acesso à Rua Nova, mostra trabalhadores da bomba de gasolina, junto aos degraus do logradouro. ACERVO: Dona Marlene. TRATO: Evaldo Brasil.
SD Vista lateral direita, do lado da então prefeitura, mostra jovens senhoras escoradas nos canteiros da praça. FONTE: perfil Cida Galdino no facebook. TRATO: Evaldo Brasil.
SD Principal praça por muitos anos, o pavilhão servia aos mais diversos propósitos. FONTE: Perfil Maria Madalena B. Izidro no facebook. TRATO: Evaldo Brasil.
SD *Destacando detalhes, amigos se encontravam por lá, sem prever o destino do espaço público. ACERVO: Jailson Andrade. TRATO: Evaldo Brasil.
LEGENDA INTERATIVA. QUEM SOMOS: 1: Zezê, filho de Augusto Donato; 2: Cudú, engraxate 3: N/I; 4: N/I; 5: N/I; e 6: Socorro Celestino. TRATO: Evaldo Brasil.

Comentários

  1. Pedro Paulo de Medeiros, via Facebook: fotos memoráveis !!!
    Joacil Braga Brandão, idem: Evaldo Brasil, parabéns! As fotos são memoráveis como diz o Pedro Paulo. O tratamento dado na primeira é muito especial. Mas a quarta tem a mureta, e ela é inesquecível! (07SET16)

    ResponderExcluir
  2. Pedro Paulo Costa Filho, idem: Sou privilegiado. Conheci.
    Rau Ferreira, idem: Destaque para Kudu na última foto. O retratista deveria estar engraxando o sapato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Evaldo Brasil, idem: Muito bem observado (08SET16)

      Excluir
  3. Jônatas Rodrigues Pereira Infelizmente a ignorância demoliu a história.
    Cida Galdino Galdino, idem: Gente! Fiquei emocionada com a foto que apareceu Kudu, ele era compadre de minha mãe, tomava café quase todos os Domingos lá em casa, e trabalhou como sapateiro na oficina do meu pai. Tem coisas que não me esqueço da minha infância. Gostei!
    Joao Batista Bastos Bastos, idem: Kudu era fanático torcedor do América, não perdia um jogo, nas tardes de Domingo, no Estádio José Ramalho da Costa, dava gritos estridentes, retumbantes, ecoava no outro lado do campo, quando o América estava no ataque, na iminência de mais um gol. (08SET16)

    ResponderExcluir
  4. Jônatas Rodrigues Pereira, via Facebook: Belo pavilhão que infelizmente

    Joacil Braga Brandão, idem: Evaldo Brasil, infelizmente não consegui identificar os restantes da foto!

    ResponderExcluir
  5. Adalberto Isidro, idem: Lembrei quando era o bar de do irmão de Duda, acho que era Severino.

    Pedro Dias Do Nascimento: Foi de "Duda", mesmo!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Destaques

Arquitetura | Esquina de Bento Torres | AM

Especial | Símbolos Municipais 3 | LG*

Registro | Alagamentos 2017 | CFCC*