Cultura | Manhã de pé-de-serra no feriado de fundação da Paraíba | MCFFP*

*Manhã cultural no feriado de fundação da Paraíba
05AGO16 Valbeane e seu acordeon. FOTO: Evaldo Brasil.
Sexta-feira, em pleno vai-e-vem das obrigações que nos acorre quando de um feriado, eis que encontramos no Calçadão (Praça Joaquim Pereira) uma família fazendo um pé-de-serra.
05AGO16 A população que fica ou circula pela praça, parou para ver Valbeane, seu acordeon e sua Família Pé-de-serra. FOTO: Evaldo Brasil.
Valbeane do Acordeon, a mãe dona Neide, no triângulo e Valber no zabumba. Na graça, cantando, tocando triângulo, recolhendo contribuições em dinheiro, a irmãzinha Vitória. Na plateia, além dos transeuntes, como eu, Seu Quirino, cantador, entusiasmado com a presença dos pares.
05AGO16 A população se fez plateia... FOTO: Evaldo Brasil.
Quem viu e parou para prestigiar vivenciou uma manhã cultural neste feriado estadual, da fundação da Paraíba. CDs e DVDs a partir de R$ 5,00 e um repertório pra ninguém botar defeito. A espera na fila de um banco me foi compensada com a surpresa ao sair dele, e por lá pude ficar por duas três músicas, dentre elas “O Canto da Ema” (Jackson do Pandeiro), a meu pedido.
05AGO16 ...e Seu Quirino, de camisa azul, prestigiou a colega do ramo. FOTO: Bonifácio Luna do Churrasco.
SAIBA MAIS
'Sonho ser sanfoneira', diz criança que canta nas ruas de Campina Grande
Família do RN recebe contribuição do público para se manter
05AGO16 ...e colabora. 
FOTO: Evaldo Brasil.

Uma família de forrozeiros do Rio Grande do Norte se mantém durante o São João 2015 de Campina Grande tocando nas ruas da cidade. A mãe Neide Francisca do Nascimento toca o triângulo, formando o grupo musical com os filhos, o zabumbeiro José Valber, 13 anos, a sanfoneira Valbeane, 17, e a cantora e bailarina Vitória, de seis anos. "Eu gosto de cantar e dançar. Meu sonho é ter uma sanfona, ser sanfoneira", revelou a pequena artista.

Visitando o Maior São João do Mundo pela primeira vez, a família pretendia continuar se apresentando na cidade até o final dos festejos. A sanfoneira Valbeane teve realizado o sonho de tocar no palco principal do Parque do Povo, no dia 14 de junho de 2015, junto com o também sanfoneiro Edgley Miguel.

Aos 11 anos ela pediu ao pai uma sanfona de presente e aprendeu a tocar ouvindo os outros músicos. "As pessoas sempre falavam daqui, até que esse mês a gente resolveu deixar tudo e viemos para Campina Grande. Estou achando uma maravilha, pessoal acolhedor, humilde, forró aqui é em todo canto, é bom demais", destacava Valbeane do Nascimento.

O irmão José Valber também planeja ser um músico reconhecido. "Quero ser um grande sanfoneiro, ser famoso", garantiu.

A família já tinha uma agenda de shows para o mês, mas decidiu aventurar-se para conhecer o São João de Campina Grande. Com a venda de CDs e DVDs e a colaboração do público que presencia as apresentações, eles pretendem ficar na cidade.

"A Gente fica admirando, comprando CD e DVD, muita gente colaborando. Que Deus abençoe esse pessoal maravilhoso de Campina Grande", disse, à época, Neide Francisca. repetindo os agradecimentos também em Esperança, por ocasião do feriado de fundação da Paraíba, manhã de sexta, no Calçadão Joaquim Pereira.

Comentários

Destaques

Arquitetura | Esquina de Bento Torres | AM

Especial | Símbolos Municipais 3 | LG*

Registro | Alagamentos 2017 | CFCC*